11 de set de 2011

#Satellite10Years


11 setembro de 2001 era para supostamente ser o dia mais importante da carreira de POD. Depois de batalharem na estrada há quase uma década, tocando em clubes pequenos, igrejas, grupos de jovens e (acredite) Estacionamentos do Wal-Mart, era finalmente chegada a hora para o álbum decisivo que mudaria tudo.
Mesmo antes de seu lançamento, Satellite já rendeu o mega hit "Alive" e era esperado para ser um sucesso crossover cristão como a indústria da música jamais tinha visto. POD, iria passar a vender mais de três milhões de cópias de Satellite somente nos EUA,  e se tornar um fenômeno em turnê internacional.
 

Mas não antes da banda de hard rock ser forçada a parar em suas trilhas junto com o resto do país.
 

"Naquele momento, tínhamos trabalhado tão duro e estávamos animado com o album", Sandoval recorda. "Fizemos uma sessão de autografos  a meia-noite em nossa cidade natal de San Diego. Nós estávamos indo fazer um grande show em Los Angeles, naquele dia. Então tinhamos todos esses planos, mas eu acordei naquela manhã com um telefonema de minha madastra (dizendo): "Ligue a TV." Eu liguei  e naquele ponto, nada mais importava. "
 

Sandoval, como milhões de americanos, indiretamente experimentou o horror que estava sendo grafado na lingua inglesa  como "11/09". A visão de dois aviões que colidiram com as torres do World Trade Center em Manhattan, seguido pelos relatos de um avião colidindo com o Pentágono e outro avião batendo em um campo da Pensilvânia (impedido de seu trajeto para  Washington DC, por seus passageiros corajosos) tomou precedente para os próximos dias e semanas.
 

O mesmo certamente se aplicava à Sandoval, que diz que foi um momento de reflexão espiritual intensa.
 

"Não era sobre música", diz ele. "Não poderia me importar menos sobre P.O.D. Era o que estava acontecendo ao nosso mundo. Nós meio que mantemos a mesma mentalidade passando por isso. Eu só queria estar em casa com minha família. Eu queria me erguer com  minhas mãos e joelhos e certificar-me que eu estava certo com Deus. "O que está acontecendo Senhor? '"
Como a vida lentamente voltou para alguma aparência de normal, POD, encontrou-se em uma posição única. A mídia pegou  a ironia da banda  sobre data de lançamento agora infame, mas também estava interessada em quantas pessoas estavam sendo inspiradas no hino de rock da positiva "Alive".
 

"Foi uma daquelas poucas canções que, antes de 11 / 9, era positiva", diz Sandoval. "Foi edificante. Ela ofereceu esperança. Na época, todas as pessoas súbitamente não se importavam mais com o sexo, drogas e rock and roll indústria ou Hollywood. Todo mundo estava olhando para o sentido da vida e busca de Deus naqueles tempos de desespero. "
 

E de acordo com Sandoval, foi o rescaldo de uma tragédia americana que lhes permitia se destacar ainda mais em um ambiente que já tinha sido cheio mensagens contra a  fé.
"Um monte de banda saltou nessa onda sobre ser positivo", diz Sandoval. "Os Slipknots da vida  não estavam vendendo albuns porque suas músicas eram negativas. Nós apenas fomos  honrados de ser uma voz naquele momento. "
Enquanto o  POD ainda tenta igualar o sucesso comercial do Satellite, não há dúvida que  a banda manteve-se como uma força positiva dentro da cena rock. É a oportunidade para dizer à uma audiência especial sobre sua fé em Cristo que mantém Sandoval e seus companheiros de banda a continuar por cerca de 20 anos depois que se encontraram pela primeira vez em fizeram uma banda  de garagem hardcore.
"Isso é o que nos inspira", diz ele. "É o poder de Deus que nos mantém rodando. Quando você sabe que ele é real e verdadeiro,  é quando você tem que compartilhá-lo com quem quiser ouvir. " 

Traduzido pelo pessoal da newmetal4u

0 comentários:

0 comentários: